Notícias

Isabella Lacerda fatura o bicampeonato da Copa Internacional Levorin de MTB

Foto: Isabella e Henrique (Crédito: Bruno Fernandes / Noispedala)

Foto: Isabella e Henrique (Crédito: Bruno Fernandes / Noispedala)

Atual campeã brasileira de Cross Country Olímpico (XCO), Isabella Lacerda (LM/Shimano) conquistou neste domingo (12), em São Roque, o bicampeonato da Copa Internacional Levorin de Mountain Bike. Precisando apenas completar a prova final para obter os pontos suficientes para ser campeã, a ciclista mineira ficou na quarta colocação. Em sua categoria, elite feminina, Raiza Goulão (Soul Cycles) foi a vencedora, enquanto na super elite a vitória ficou com Rubinho Valeriano (Merida), desbancando o bicampeão antecipado Henrique Avancini (Caloi Team), vice na etapa.

“O sentimento de ser bicampeã da CIMTB Levorin é algo inexplicável. Não dá para te passar o quanto estou feliz. Pedi a Nossa Senhora Aparecida me proteger e independente do resultado sabia que daria tudo certo e sairia daqui campeã”, vibrou Isabella, vencedora das etapas de Araxá e Congonhas na temporada.

“Claro que eu queria a vitória, mas larguei sabendo que precisava apenas concluir as quatro voltas para ser a campeã. Decidi me poupar, porque não tinha motivo para me arriscar e soltar os freios. Manter meu equipamento sem problemas, como um pneu furado ou uma corrente quebrada, era minha meta. Fiz uma prova totalmente consciente e segura do que estava fazendo. Poupei ao máximo minha bike e deu tudo certo”, completou.

Vencedora do dia após liderar a prova desde o início, Raiza Goulão teve seu primeiro triunfo nacional em competições de destaque neste ano. “Minha estratégia deu certo e graças a Deus consegui botar pra fora tudo o que estava segurando desde o começo do ano. Essa sou eu de verdade. Corri hoje (domingo) aqui em São Roque do jeito que eu gosto. Não desmerecendo as adversárias, consegui preocupar-me apenas comigo, esquecendo das rivais”, desabafou.

“O que fez a diferença foi o apoio da minha equipe e todos amigos que me ajudaram muito, assim como minha família. Foi foco total desde o aquecimento, mentalizando sempre o que eu pretendia fazer. Consegui esse excelente resultado e desentalar o que estava preso na garganta. É isso que todos devem esperar de mim. No próximo ano terei um desempenho ainda melhor”, acrescentou. Além de Raiza e Isabella, completaram o pódio Erika Gramiscelli e Noelia Rodriguez, segundo e terceiro lugares, e Roberta Stopa, na quinta colocação.

Rubinho volta a vencer após sete etapas – Representante do Brasil nas Olimpíadas de Pequim 2008 e Londres 2012, o experiente ciclista Rubinho Valeriano venceu em São Roque, após sete etapas sem chegar ao degrau mais alto do pódio. Depois de largar mal, Rubinho aumentou o ritmo e assumiu a liderança na segunda volta, posição em que se manteve até o fim. Henrique Avancini, Fred Nascimento, Sherman Trezza e Dario Gasco completaram o pódio.

“O circuito era muito técnico. Gostei demais da primeira parte, com essa subida muito dura, que me permitia abrir alguns segundos em relação aos meus adversários. Minha bike aro 27 me ajudou nas curvas e isso fez a diferença. Enquanto a maioria dos rivais usam 29, que dá mais velocidade na reta, optei pelo aro menor. A estratégia deu certo”, avaliou Rubinho.

“O Henrique e o Dario largaram muito bem e abriram bastante, porém, mantive-me nas primeiras colocações. Sabia que teria cinco voltas pela frente e por isso não me afobei e pude recuperar posições depois. Na subida, botei na frente e fui embora. Decidi que não ia parar de fazer força e de sofrer. Essa é a essência do MTB e graças a meu esforço saí vitorioso. Meu pneu murchou, fiquei na dúvida se arriscava ou trocava, mas optei pela estratégia de ir até o fim. Precisava demais dessa vitória”, concluiu o vencedor da etapa.

Organização faz balanço da final – O Centro Cultural Brasital, que recebeu cerca de dez mil pessoas nos três dias de provas, encerrou a 19ª edição da principal competição de MTB da América Latina. Mais uma vez, o balanço da organização é positivo. “Foi uma temporada sensacional. Com muita disputa em todas as categorias e conseguimos ter o campeonato mais competitivo de todos os anos. Quem acompanhou a CIMTB Levorin e a Copa LM Bike sabe que os campeões foram definidos só aqui em São Roque, e nos detalhes”, comemorou o organizador Rogério Bernardes.

“A alta competitividade que a Copa Internacional Levorin de MTB oferece é algo muito legal. Os melhores atletas do Brasil competem aqui, além de ciclistas de diversos países. Para grande maioria dos atletas, a CIMTB Levorin é o principal evento do ano. Eles focam o planejamento e treinamento em função das etapas. Para nós é uma grande honra e esperamos que a partir dos bons resultados obtidos aqui, os atletas consigam mais patrocínio e assim fomentamos o ciclismo de Mountain Bike em nível nacional”, completou Rogério.

A Copa Internacional de Mountain Bike tem patrocínio da Levorin, o pneu oficial da competição. LM Bike, Shimano e Specialized são os co-patrocinadores do evento, que comemora a 19ª edição em 2014.

Fan page – Quer acompanhar tudo sobre a Copa Internacional Levorin de Mountain Bike e ainda curtir fotos diferenciadas e vídeos das provas e dos atletas? Acesse a fan page oficial pelo endereço: Fanpage no Facebook: www.facebook.com/CIMTB.

Mais informações também no Twitter: @CIMTBLevorin e no Instagram: @CIMTB.

Mais informações no site http://cimtb.com.br/

Confira o balanço da primeira etapa em Araxá (MG): Balanço Araxá

Confira o balanço da segunda etapa em São João del-Rei (MG): Balanço São João

Confira o balanço da terceira etapa em Congonhas (MG): Balanço Congonhas

Gustavo Coelho / Ary Pereira Jr. – MTb 23297
E-mails: press@cimtb.com.br