Notícias

Categoria Dupla levou amigos e casais para a pista de Congonhas

Competir em uma prova de maratona de MTB (XCP) já dá um frio na barriga de qualquer atleta, pois a adrenalina está presente em cada trecho da pista e ali é colocado à prova todo o trabalho de treinamento que é feito ao longo do ano. A cada curva, descida, subida; uma emoção diferente. Agora imagina dividir isso com um colega, amigo ou seu esposo? Mais de 366 bikers resolveram sentir essa emoção.

Casados há 6 anos,  Mariana Meigse  e Marc Meigs da Silva resolveram comemorar as bodas em cima da magrela  pedalando pelos 37 km da maratona de Congonhas, Minas Gerais.  

casal.dupla-mista

Foto: Keka

Já os amigos, Leandro Mendes e Diana Fonseca, selaram a amizade competindo juntos, ajudando e apoiando um ao outro durante todo o percurso. “Foi nossa primeira participação na Copa Internacional de MTB. E correr de dupla é uma experiência muito gratificante. Exige uma cumplicidade e uma inteligência emocional bem trabalhada, para juntos, terminarem bem a prova”, explica Leandro.

leandro.diana

Foto: Keka

A ex- atleta Raquel Couto, mais conhecida como KeKa, acompanhou as disputas de perto para fazer o fast- vídeo da etapa, e destacou que o percurso estava ótimo. “Foi o melhor de todos os anos que já participei. A chuva que caiu no dia anterior abaixou a poeira e sem deixar lama. O clima estava ideal, nem frio e nem quente”, comentou.

Homens e mulheres, adultos e jovens, todos pedalaram por trechos da estrada real, asfalto, cascalho, terra e pedra- sabão. A s categorias duplas contemplaram todas as idades.  Somando todas as duplas das categorias Sub 80, Sub 70, Sub 60, Over 80 e  Mista, mais de 183 duplas participaram da maior maratona de MTB do Brasil. Mais um recorde para a CIMTB.